Tekie
By iTech



Galaxy Mondays

23/02/2015
 

2015, ano do carrregamento sem fios

Em 1891, o inventor Nikola Tesla foi a primeira pessoa introduzir o carregamento indutivo, quando demonstrou a trasferênica de energia sem fios. Contudo, demorou mais de um século para esta tecnologia chegar ao Mercado.

 

Nos últimos anos o carregamento sem fios emergiu no Mercado da eletrónica de consumo, principalmente na forma de smartphones e acessórios para smartphones. Esta tecnologia está agora a ser integrada em todo o tipo de dispositivos tecnológicos, espaços públicos e mesmo veículos. Á medida que as empresas procuram tornar os cabos obsoletos, tornado o mundo que Tesla preconizou uma realidade.

 

Até agora, os produtos comerciais tem utilizado principalmente o método “indutivo magnético” de carregamento, que envolve acoplar um dispositivo a uma doca física. Se alguma vez uilizou uma escova de dentes ou máquina de barbear, então provavelmente está familiarizado com carregamento indutivo.

 

Benefícios para o consumidor e Soluções da Indústria

 

 

O carregamento sem fios possui vários benefícios para o consumidor que disponibiliza uma nova onda de integração entre dispositivos e conveniência. O mais óbvio dos benefícios é a ausência de cabos, que perdem ou partem. Os consumidores pedem há muito por uma solução de carregamento sem fios, que os libertem de ter que andar com vários carregadores para os seus dispositivos. O objectivo  tem sido disponibilizar uma doca de carregamento sem fios compatível com todos os dispositivos que já possuem , bem como os dispositivos que comprem no futuro mais imediato..

 

Com este objectivo, a indústria no geral tem estado a trabalhar em conjunto há já algum tempo para estabelecer uma série de organizações para estandartizar tecnologias de carregamentos sem fios. Actualmente existem três: o Wireless Power Consortium (WPC), e o seu standard Qi, a Power Matters Alliance (PMA) e a Alliance for Wireless Power (A4WP). A Samsung é membro das três.

 

Estas tecnologias já foram implementadas em vários aspectos da nossa vida. Pode é não estar consciente de muitas delas. Pode encontrar dispositivos que utilizam o standard QI em alguns Macdonalds de Londres, enquanto muitos Starbucks nos EUA suportam estações de carregamento PMA.

 

Já em Janeiro deste ano, a PMA e a 4WP anunciaram que irão juntar forces para disponibilizar características ainda mais avançadas para uma maior variedade de dispositivos. Isto significa que dentro em breve, restaurantes, aeroportos, espaços públicos, veículos e outros espaços de convívios de todo o tipo irão, finalmente aliviar os consumidores do fardo de terem que se lembrar do seu carregador sem fios. Em breve serão capazes de se movimentar livremente sem se preocupar com o estado da bateria, ou de  ficarem sem espaço na mala.

 

O compromisso da Samsung

 

 

No final de 2000, a Samsung criou uma equipa especial para desenvolver o carregamento sem fios e começou uma pesquisa e desenvolvimento intensivo. O objetivo era desenvolver uma tecnologia que fosse fácil e conveniente para os consumidores, para promover e levar à adoção generalizada de standards na tecnologia de carregamento sem fios. Como depressa descobriram, existiam vários obstáculos para vencer para a tecnologia de carregamento sem fios ser bem-sucedida no Mercado, entre as quais o tamanho e o preço eram dos componentes mais críticos.

 

Este trabalho árduo deu frutos em 2011, quando a Samsung introduziu os seus pads para carregamentos sem fios com fins comerciais SCH-i510. Desde essa altura, a Samsung forneceu capas e pads para carregamento sem fios como um acessório essencial para os principais smartphones, como o Galaxy S4 e o Galaxy Note 3 em 2013 e o Galaxy S5 e o Galaxy no ano passado.

 

Um factor chave na ajuda na generalização da tecnologia de carregamento sem fios tem sido a redução do custo dos materiais, através de parcerias estratégicas com os fornecedores de matérias-primas e empresas de componentes.

 

Também descobrimos novas maneiras de fundir e combinar componentes numa maneira mais eficiente, o que permitiu que a nossa tecnologia gera-se mais energia e necessita-se de menos espaço. Nos primeiros passos do carregamento por indução, os pads de carregamento para o Galaxy S4 continham 80 componentes distintos. Para o Galaxy S5, os nossos técnicos conseguiram reduzir o seu número drasticamente, para uns mais aceitáveis 50 e continuam a ser desenvolvidos esforços para reduzir ainda mais esses números. A nossa capacidade única de combinar peças desta maneira e que são capazes de desempenhar mais do que uma função, como o nosso processador, permitiu que a sua comercialização se torna-se finalmente uma realidade.

 

Outro objective era encontrar novas maneiras de  tornar os próprios components mais pequenos e leves, O processador IC Samsung Galaxy Note 4, por examplo, tem uma espessura de apenas 0.8mm. Desde que foram introduzidos pelas primeira vez há 10 anos, o tamanho dos componentes dos receptores diminuiu 10 vezes em relação ao seu tamanho original, E a espessura da bobina diminui para um terço do seu tamanho original. Como tal, fomos capazes de reduzir os custos dos principais componentes para um décimo do preço em apenas 10 anos.

 

O carregamento também evoluiu bastante em termos de rapidez. Há 2 ou 3 anos, o carregamento sem fios era apenas 20 a 30 por cento da rapidez do carregamento com fios. Mas desde essa altura fomos capazes de duplicar a velocidade de carregamento.

wireless

2015 – um ano marcante para carregamento sem fios de smartphones

 

 

No ano passado, componentes que suportam múltiplos standards num só processador foram lançados. Uma vez que geralmente demora 6 a 12 meses a integrar novos componentes e lança-los no mercado, espera-se que vários destes produtos estejam disponíveis ainda este ano.

 

Isto surge numa altura em que o ecossistema do carregamento sem fios continua a crescer e amadurecer rapidamente. Além de empresas tecnológicas, grandes marcas numa grande variedade de indústrias, como eletrónica de consume, semicondutores, automóveis, mobiliário, software e outras juntaram-se ao esforço.

 

Espera-se que 2015 seja marcante para o crescimento do carregamento sem fios, há medida que cada vez mais estações de carregamento comecem a aparecer em mais espaços públicos. A Samsung está empenhada em democratizar est tecnologia de carregamento sem fios através de smartphones. Com os próximos Galaxy, os utilizadores serão capazes de entrar num novo mundo sem fios sem precedentes.

O Galaxy Mondays desta semana é uma tradução livre do artigo de Seho Park no Blog Samsung Tomorrow, da responsabilidade da Samsung Electronics.



About the Author

Edmar Rodrigues
Sou jornalista de Ti desde 1999. Tendo passado por publicações como ComputerWorld e Bit e pelos sites www.itnews.com.pt de 2002 a 2006 e www.i-tech.com.pt de 2010 a 2014. Actualmente faço a gestão do Tekie e do www.idrive.pt



 
 

 

PORTO EDITORA E SAMSUNG ASSINAM PARCERIA PARA IMPULSIONAR O DIGITAL NA EDUCAÇÃO

A Porto Editora e a Samsung assinaram terça-feira, dia 7 de novembro, uma parceria que tem como principal objetivo impulsionar a utilização do digital na educação. Para tal, a maior editora portuguesa e uma das maiores emp...
by Edmar Rodrigues
 

 
 

“Descubra” é a melhor APP para o turismo

A APP “Descubra” foi reconhecida pela ACEPI – Associação da Economia Digital – com o Prémio Melhor APP de Turismo Nacional, na edição de 2017 dos Prémios Navegantes XXI. O download é gratuito! Com uma interface d...
by Edmar Rodrigues
 

 
 

A HP Anuncia a Workstation Destacável mais Poderosa do Mundo

A HP apresenta a Workstation  destacável mais poderosa do mundo, concebida para responder às necessidades de desempenho e mobilidade de artistas, designers e profissionais de imagens digitais, que precisam de utilizar o Adob...
by Edmar Rodrigues
 

 

 

Puro apresenta novo adaptador multiportas Type-C

A Puro, representada em Portugal pela Projecto Visual, reforçou a sua gama de carregadores com o lançamento do adaptador Type-C HUB 6-em-1, compatível com a maioria dos dispositivos USB-C, e que permite adaptar vários tipos...
by Edmar Rodrigues
 

 
 

Huawei Mate 10: a verdadeira inteligência para o melhor desempenho de smartphone

Alimentado por Inteligência Artificial, o HUAWEI Mate 10 Pro é o smartphone mais poderoso do mundo. Entende os comportamentos dos utilizadores e gere de forma dinâmica e inteligente os recursos móveis, atendendo a todos os ...
by Edmar Rodrigues
 

 




 
%d bloggers like this: